Português Italian English Spanish

Cruzeiro: Rômulo cobra 'explicações claras' para jogos sem torcida e pede retorno definitivo

Cruzeiro: Rômulo cobra 'explicações claras' para jogos sem torcida e pede retorno definitivo

Data de Publicação: 26 de agosto de 2021 10:38:00
Meio-campista garantiu que presença da torcida faz total diferença para desempenho do time a Série B

O volante Rômulo não escondeu sua total discordância sobre a suspensão da volta da torcida aos estádios em Belo Horizonte. A Prefeitura da capital oficializou a decisão no último domingo, alegando que diversos protocolos de combate à pandemia de covid-19 não foram respeitados nos jogos da Raposa contra o Confiança, pelo Campeonato Brasileiro Série B, e, antes, no confronto entre Atlético e River Plate, pelas quartas de final da Copa Libertadores.

Rômulo frisou que os protocolos devem ser seguidos pelos torcedores, mas vê incoerência da proibição de público nos estádios. O volante disse que gostaria de "explicações mais claras" para embasar a decisão da prefeitura e garantiu que a presença do torcedor cruzeirense faz total diferença.

"A gente gostaria de explicações mais claras em relação ao fechamento dos estádios, sendo que tem várias coisas já abertas, funcionando normalmente. E, um espetáculo como esse, se a gente, obviamente, respeitar os protocolos de segurança e sanitários, acho que não teria problema algum, seria um benefício à toda população, não só de Belo Horizonte, mas de Minas Gerais", iniciou.

"Com a torcida que a gente tem, sabemos que vai ter algo a mais, a força que nos dão faz toda a diferença nessa competição [Série B], que é muito difícil. Pedimos que os conceitos sejam revistos e que a volta do público seja definitiva", completou.

Depois do contundente posicionamento sobre uma questão extracampo, Rômulo também comentou a fase do Cruzeiro dentro das quatro linhas. O meio-campista explicou a diferença que encontra no ambiente da Raposa e da fase do time desde sua chegada e, nesse sentido, exaltou o trabalho do técnico Vanderlei Luxemburgo.

"Graças a Deus, as coisas começaram a se encaixar. Elas demoraram um pouco, mas estão se encaixando. Sabemos de todas as dificuldades do clube, do momento que passa, e nós temos que nos superar a cada dia, tirar todas as forças que a gente tem e não tem. Com a chegada do Luxemburgo, acho que não preciso nem comentar, só olhar os números dele e ver a grande melhora que a gente teve, em todos os sentidos", comemorou.

"Ele veio brigando muito pelos jogadores, funcionários, para que os compromissos sejam colocados em dia, porque isso dá uma segurança muito maior para todos os funcionários, todos que pertencem à família Cruzeiro. Dentro de campo, ele tem nos passado a experiência dele, de um treinador que ganhou quase 50 títulos. Ele tem bagagem forte e autoridade expressiva para nos passar", finalizou.


 

(*) Com informações Itatiaia


-----------



Se você quer anunciar no Diário do Cerrado e fazer bons negócios aqui é o seu lugar. Venha para o Diário do Cerrado - ”Aqui a Parceria é certa”. Fale agora - (34) 999690040 (WhatsApp)

 ()*

 

 

Haverá uma Terceira Onda da Covid-19?

Voto computado com sucesso!
CORONAVÍRUS
Total de votos:
SIM
NÃO

 

Colunistas

          

 
 
Marcos Remis dos Santos 
(Marcão)