Português Italian English Spanish

Corpo de mulher de promotor é liberado do IML e será sepultado nesta quarta

Corpo de mulher de promotor é liberado do IML e será sepultado nesta quarta


Lorenza Maria Silva de Pinho, 41, morta no último dia 2, será enterrada em Barbacena, no Campo das Vertentes. Marido dela, o promotor André de Pinho, segue preso sob suspeita de feminicídio

O pai de Lorenza Maria Silva de Pinho, o aviador aposentado, Marco Aurélio Silva, de 72 anos, informou que o corpo da filha dele foi liberado do Instituto Médico-Legal (IML) de Belo Horizonte na tarde desta terça-feira (13).

O corpo será enterrado no cemitério da Boa Morte, nesta quarta-feira (14), na cidade de Barbacena, no Campo das Vertentes. “Ela descansará junto a seus familiares maternos”, contou o pai. 

Lorenza Maria Silva de Pinho, de 41 anos, morreu no último dia 2, no apartamento em que morava com a família, no bairro Buritis, na região Oeste de Belo Horizonte. Dois dias depois, a polícia prendeu o marido dela, o promotor André Luís Garcia de Pinho, 51, sob a suspeita de ter matado a mulher. À polícia, ele alega inocência e disse que Lorenza morreu após passar mal e sofrer um engasgo.

Nesta terça-feira, após saber da liberação do corpo de Lorenza, o advogado do promotor, Robson Lucas, disse que ainda não sabe se Pinho poderá ir ao sepultamento da mulher. “Dependerá de autorização judicial”, explicou. 

A Polícia Civil e a Procuradoria Geral de Justiça de Minas investigam o caso, que corre sob segredo de Justiça. Apesar da liberação do corpo, o laudo sobre a causa da morte de Lorenza não foi divulgado. O Ministério Público promete divulgar o documento só após o término das investigações.

 

(*) Com informações O Tempo


-----------



Se você quer anunciar no Diário do Cerrado e fazer bons negócios aqui é o seu lugar. Venha para o Diário do Cerrado - ”Aqui a Parceria é certa”. Fale agora - (34) 999690040 (WhatsApp) - Acesse www.diariodocerrado.com.br

 ()*

 

 

Haverá uma Terceira Onda da Covid-19?

Voto computado com sucesso!
CORONAVÍRUS
Total de votos:
SIM
NÃO

 

Colunistas

          

 
 
Marcos Remis dos Santos 
(Marcão)